Postagens populares

Resenha: Animais Fantásticos: Os Segredos de Dumbledore

quarta-feira, 6 de abril de 2022

 


*por Beatriz Silva

Nós já vimos: “Animais Fantásticos: Os Segredos de Dumbledore” é um presente para todos os fãs de Harry Potter 

J.K. Rowling foi brilhante ao escrever a saga Harry Potter. A autora criou um universo repleto de detalhes, com histórias paralelas e personagens secundários interessantes e que podem ser explorados muito além da história principal do bruxinho. 

É graças a isso que hoje temos a série “Animais Fantásticos”, um spin-off da série Harry Potter. O primeiro filme (Animais Fantástico e Onde Habitam, 2016), mais introdutório, nos apresentou personagens cativantes como Newt (Eddie Redmayne), Tina (Katherine Waterston), Queenie (Alison Sudol) e o nosso representante no-maj, Jacob (Dan Fogler). Além disso, há a ótima e sombria interpretação de Ezra Miller como Credence.

O segundo filme (Animais Fantásticos: Crimes de Grindelwald, 2018), no entanto, não fez tanto sucesso. Foi o que menos faturou em toda a franquia Harry Potter e trouxe falhas que incomodaram os fãs da saga.

Mas “Animais Fantásticos: Os Segredos de Dumbledore” chega para se redimir. O filme é um presente para os fãs de Harry Potter em muitos sentidos: na volta a Hogwarts, na versão jovem dos personagens, no resgate de histórias presentes nos livros da saga principal e também nos objetos.

Para nós, brasileiros, a emoção também se dá pela brilhante Maria Fernanda Cândido atuando como Vicência Santos. Em suas poucas cenas, Vicência demonstra toda a sua elegância e nos faz “querer mais”. Outra ótima atuação é a de Mads Mikkelsen que, aliás, nos entrega um ótimo Grindelwald. 

De pano de fundo, temos uma eleição no mundo bruxo que em muitos aspectos se compara com a vida real. E há ainda os próprios “animais fantásticos” que aparecem para dar a sensação de leveza durante o filme.

Animais Fantásticos é um ótimo filme e vale muito a pena ver. 

Trailer: https://youtu.be/LcCrLZceCmg

Nenhum comentário

Postar um comentário

 
Desenvolvido por Michelly Melo.